Digite aqui o que você está procurando...

Observatório do Cinema

canal MPF

Canal / Nova Campinas

O SHOW DO COMÉRCIO

Extra Online - TV e Lazer

TV iG: Vídeos de notícias, futebol, lutas, clipes, moda e trailers

27 de dez de 2014

Assista grátis ao documentário: Rubem Alves – O professor de espantos

Rubem Alves considerado um dos maiores pensadores contemporâneos da educação no Brasil, foi uma das figuras mais respeitadas no Brasil quando se fala em educação. Pedagogo, filósofo, escritor, psicanalista e teólogo, o mineiro é autor de mais de 30 livros sobre assuntos de diferentes campos do pensamento.
No Documentário: Rubem Alves – O professor de espantos, ele fala de seus sonhos, ideias e realizações na sua carreira. A produção conta com a direção de Dulce Queiroz e é uma realização da TV Câmara.
A trajetória do pensador nascido em 1933, repleta de desafios e mudanças, é apresentada ao público no documentárioSua produção é partidária das ideias de Paulo Freire e está em constante diálogo com pensadores e poetas como Nietzsche, Bachelard e Robert Frost.
O título do documentário diz respeito à proposta de Rubem Alves sobre um novo tipo de professor, cuja missão fundamental não seja a de ensinar matemática, português ou geografia às crianças, e sim a de “provocar a inteligência, a curiosidade, o espanto”. “O objetivo da educação não é ensinar coisas que já estão nos livros e na internet, é criar a alegria de pensar. Não é o professor quem ensina, é a criança quem pergunta e interage. Ninguém é incentivado a ler porque o professor mandou, pois a leitura é uma relação amorosa, sendo preciso criar o gosto pela leitura.”
Segue a baixo documentário na íntegra:



22 de dez de 2014

Morre aos 70 anos o cantor britânico Joe Cocker



O rock perdeu nesta segunda-feira (22) uma de suas vozes mais marcantes. Morreu aos 70 anos o cantor inglês Joe Cocker.
Uma voz forte, rouca, que trazia o rock, o blues e o sentimento profundo da música soul americana. Esta era a marca de Joe Cocker, um inglês de nascimento que transformou seu talento em passaporte para o mundo. Joe começou cantando em clubes da cidade natal, Sheffield. E explodiu no fim dos anos 1960, no festival de Woodstock, com uma versão de "With a little help from my friends", dos Beatles.
 
Em 2012, antes de se apresentar no Brasil pela última vez, ele falou à TV Globo sobre aquele show: "Eu nunca esqueço. Eu fui de helicóptero e, a milhas de distância, perguntei para o piloto o que era aquela coisa toda no horizonte. E ele respondeu: é o seu público".
 
Era apenas o começo de uma carreira de quatro décadas, que rendeu 40 álbuns e muitos sucessos. Em 1975, Joe Cocker conquistou definitivamente os Estados Unidos com "You are so beautiful". Naquela época, problemas com álcool e drogas atrapalharam a carreira.
Mas ele deu a volta por cima e reapareceu com tudo em 1982, quando ganhou um Grammy e o Oscar por um dueto açucarado com Jennifer Warnes – "Up where we belong" – e emendou uma série de sucessos, como “You can leave your hat on” e “Unchain my heart”, que interpretou no Maracanã, na segunda edição do Rock in Rio, em 1991.
 
Joe vivia nos Estados Unidos, no Colorado. Ele lutava contra um câncer no pulmão. Mas até o ano passado continuou lotando estádios e casas de espetáculos.
Nesta segunda-feira (22), um dos primeiros a enviar condolências foi o ex-Beatle Ringo Starr. Ele escreveu em uma rede social: "Adeus. E que Deus abençoe Joe Cocker, de um de seus amigos paz e amor".

14 de dez de 2014

Seguidores